O Instituto Verificador de Comunicação (IVC) realiza um projeto piloto de auditoria de out of home (OOH) desde janeiro de 2016, em parceria com a Associação Brasileira de Out-of-Home. Apesar do envolvimento de outras empresas no processo, a Clear Channel foi a primeira a ter a medição prévia concluída e passou a ter, nesta semana, seus dados disponibilizados no site do IVC.

O novo serviço envolve duas verificações: auditoria de inventário e auditoria das campanhas. Na ferramenta de planejamento do site do IVC, os dados de OOH estão segmentados por tipo de face e região, com detalhamento individual e geolocalização ponto a ponto, elaborada a partir do Google Street View. Também serão certificadas as condições de funcionamento das peças, com o objetivo de assegurar a funcionalidade das faces para veiculação da publicidade. Os associados do IVC poderão acessar os dados, ter acesso a análises, indicadores, formatos de gráficos e mapas. A partir de agora, os certificados e relatórios serão disponibilizados mensalmente, segundo o Instituto.

A partir da checagem do inventário, o IVC também verificará a inserção de publicidade, desde a montagem do equipamento e inserção do anúncio à retirada da peça. A auditoria abrange todo o período de veiculação da campanha e é confidencial, não sendo disponibilizado no site. Esse serviço poderá ser contratado por agências e anunciantes que, ao final do processo, recebem os dados resultantes da auditagem. Segundo comunicado, o IVC utilizou sua expertise de autoria em websites e publicações impressas para elaborar a auditoria de campanhas de out-of-home.

Segundo Pedro Silva, presidente executivo do IVC, os inventários das empresas Elemidia, Eletromidia, JC Decaux, Otima, Onibus Digital, Indoormídia, BRMalls e Hello Mídia estão sendo auditados, e a divulgação deve acontecer nos próximos dois meses. De acordo com ele, o objetivo é que a medição cubra todos os municípios brasileiros.

Os dados mais recentes da Clear Channel, de novembro de 2016, apontam os endereços de faces verificadas no Rio de Janeiro e em Curitiba. Houve leve queda de 1,7% na comparação entre os meses, chegando a 4.434 faces em novembro.

No caso da Elemidia, foram apontados os locais de São Paulo com monitores, com dados de janeiro, fevereiro e março do ano passado. O número mais recente verificado pelo IVC apontou 5.783 faces, alta de 4% em relação a janeiro.

Na próxima edição de Meio & Mensagem, número 1743 de 16 de janeiro, Ana Célia Biondi, diretora-geral da JCDecaux no Brasil, fala em entrevista sobre a auditoria do IVC e outros dados de mercado. Veja mais na versão impressa ou para tablets iOS e Android, exclusivamente para assinantes.

 

Fonte: Meio e Mensagem

Esta entrada foi publicada em Destaques e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *